Blitz

O ChatGPT escreveu uma letra de canção ao estilo de Nick Cave. A reação de Cave: “Isto não presta”

17 janeiro 2023 10:40

Nick Cave

getty images

“A julgar por esta canção ‘ao estilo do Nick Cave’, tenho a dizer que o apocalipse está próximo”. Leia a reação inspirada do músico australiano à canção criada por inteligência artificial que contém o verso “I've got the fire of hell in my eyes”

17 janeiro 2023 10:40

Nick Cave partilhou uma resposta, através do website “Red Hand Files”, a todos os fãs que lhe têm enviado letras escritas ao seu estilo pelo ChatGPT.

O músico chegou a partilhar alguns versos, entre eles: I am the hunter, I am the prey / I am the devil, I am the savior, mas não se mostrou agradado com o trabalho da IA.

“Escusado será dizer que não partilho o mesmo apreço por esta tecnologia que vocês”, começou por dizer. “Entendo que o ChatGPT esteja ainda a dar os primeiros passos, mas é esse o terror da inteligência artificial: estará sempre a dar os primeiros passos porque teremos sempre que ir mais além”.

“Não podemos desacelerá-la, à medida que nos leva até um futuro utópico, ou à nossa destruição total. Ninguém sabe dizer qual”. “A julgar por esta canção ‘ao estilo do Nick Cave’, tenho de dizer que o apocalipse está a caminho. Isto não presta”, comentou.

“Aquilo que o ChatGPT é atualmente é uma réplica caricaturada. Talvez consiga escrever um discurso ou um ensaio ou um sermão ou um obituário, mas não consegue criar uma canção genuína. As canções nascem do sofrimento, querendo eu dizer que se baseiam na luta humana interna e complexa da criação. Tanto quanto sei, os algoritmos não têm sentimentos".

Cave admitiu que possa ter levado o assunto “para um campo mais pessoal”, já que é “um compositor entregue, neste preciso momento, ao processo de escrever canções”, concluindo com humor: “com todo o amor e respeito do mundo: esta canção não vale nada. É uma paródia grotesca do que significa ser humano. Mas há um verso que me diz muito: I've got the fire of hell in my eyes… Sim, tenho, e chama-se ChatGPT”.