Sociedade

Vulcanologistas espanhóis calculam um volume de magma em São Jorge comparável ao de La Palma antes da erupção

29 março 2022 12:18

Joana Pereira Bastos e Rúben Tiago Pereira, em São Jorge

Paisagem da ilha de São Jorge, nos Açores

antónio araújo/lusa

Através da análise dos dados obtidos por satélite, especialistas do Instituto Vulcanológico das Canárias (INVOLCAN) consideram que a deformação no solo observada na ilha açoriana é provocada por uma intrusão de magma com um volume de 20 milhões de metros cúbicos. E não descartam uma erupção semelhante em São Jorge nas próximas semanas

29 março 2022 12:18

Joana Pereira Bastos e Rúben Tiago Pereira, em São Jorge

Com base na análise das imagens recolhidas pelo satélite da Agência Espacial Europeia, o Instituto Vulcanológico das Canárias (Involcan) conclui que a deformação no solo observada em São Jorge tem "origem vulcânica" e é provocada por uma intrusão de magma ao longo de uma fratura subvertical, com um volume de 20 milhões de metros cúbicos, semelhante ao registado em La Palma, antes da erupção do Cumbre Vieja. Os especialistas espanhóis ressalvam, no entanto, que o processo na ilha açoriana está a ser mais lento e pode não culminar da mesma maneira.