Internacional

Cimeira da NATO: Stoltenberg avisa para riscos do poder da China nas comunicações e áreas críticas

28 junho 2022 19:29

Vítor Matos

Vítor Matos

Jornalista

O secretário-geral da NATO diz que é preciso aprender com a lição da dependência energética da Rússia para a Europa depender menos da China. Portugal fará parte dos alvos do aviso

28 junho 2022 19:29

Vítor Matos

Vítor Matos

Jornalista

Os problemas decorrentes da dependência europeia do gás e do petróleo russos são uma lição aprendida para aplicar também à China, fez questão de sublinhar Jens Stoltenberg, secretário-geral da NATO, durante uma entrevista no Fórum Público que decorre em paralelo com a Cimeira da NATO, que começa esta quarta-feira em Madrid. Percebe-se pela intervenção que os riscos associados ao controlo de "infraestruturas críticas" na Europa por parte da China devem ser um dos pontos a incluir no novo Conceito Estratégico da Aliança Atlântica que vai sair da reunião da capital espanhola.