Boa Cama Boa Mesa

Mais conforto, menos impacto ambiental: conheça 12 hotéis onde tudo se transforma

5 outubro 2022 16:44

Já nasceram em comunhão com a natureza ou melhoram a cada temporada aproximando-se do zero desperdício e emissões de CO2. Dos materiais de construção à decoração, da poupança de água e energia ao respeito pela envolvente, conheça 12 hotéis onde tudo se transforma.

5 outubro 2022 16:44

E se a natureza pudesse oferecer, sem esforço adicional, tudo o que é necessário para um alojamento ser autosuficiente? A esta questão respondem cada vez mais espaços, construindo de raiz edifícios com materiais mais ecológicos e locais, reaproveitando edificações já existente, reciclando elementos para a decoração. Desperdiçam-se menos recursos: reduz-se o caudal das torneiras, as águas pluviais são reaproveitadas e é o sol que produz energia. A pegada ecológica é ainda mais diminuta quando se compensa com a plantação de árvores para aproximar a atividade hoteleira e turística em carbono zero, ou fazendo renascer um território outrora desertificado. Conheça os muitos caminhos que conduzem à sustentabilidade na hotelaria.

Areias do Seixo

Areias do Seixo

Areias do Seixo: Menor impacto
A consciência ambiental está presente desde a conceção do hotel Areias do Seixo (Tel. 261936350), que orienta a sua filosofia para a eficiência energética, energias renováveis e aproveitamento dos recursos naturais, assumindo também um papel de sensibilização junto dos seus hóspedes. As práticas refletem-se em gestos tão básicos como a compra para utilização na cozinha de embalagens de grande dimensão e sempre que possível, reutilizáveis.

Casa Agrícola da Levada

Casa Agrícola da Levada

Casa Agrícola da Levada: Jardim comestível
Instalou-se numa antiga povoação, recuperando as casas espalhadas pela imensa propriedade onde não faltam árvores seculares, de fruto, hortas e muita vegetação. Ajudam a estar em contacto direto com a natureza e esquecer que estamos às portas da cidade de Vila Real. Tudo é pensado ao ínfimo detalhe para ser sustentável e produzir o mínimo desperdício, respeitando a envolvente. Assumindo-se como um “jardim comestível”, a natureza alimenta humanos e animais e até os insetos têm hotel próprio. Não se usam produtos químicos e os hóspedes são convidados a reciclar. Na Casa Agrícola da Levada (Tel. 916594404) encontra também uma honesty shop com produtos da quinta e da região.

Santa Bárbara Eco Beach Resort

Santa Bárbara Eco Beach Resort

paulo goulart photography

Santa Bárbara Eco Beach Resort: em comunhão com a paisagem açoriana
Desde a construção destas casas integradas na paisagem que a sustentabilidade marca forte presença. Entre madeira de criptoméria, cortiça e bambu, só se usam materiais naturais e objetos de decoração que remetem para as tradições dos Açores. Na estufa do Santa Bárbara Eco Beach Resort (Tel. 296470360), na Ribeira Grande, em São Miguel, o espaço luminoso é dedicado ao relaxamento e à prática de ioga com retiros a acontecerem com frequência, e o mar ali tão perto recebe aulas ou convida a desafiar as ondas numa prancha de surf ou bodyboard. A mesa do restaurante é alimentada pela horta biológica.

Hotel Sentido Galomar

Hotel Sentido Galomar

Hotel Sentido Galomar Santa Cruz: Equilíbrio ecológico
Equilibrado sobre as falésias do Caniço, à beira-mar, o Hotel Sentido Galomar (Tel. 291930930) em Santa Cruz, na Madeira, tornou-se no primeiro green hotel do país. Centenas de painéis foto voltaicos garantem a sua autossuficiência em termos de energia cujo excedente é canalizado para outras unidades do grupo. O sistema GTC permite ao hóspede saber o seu consumo face à média histórica do quarto e a meta é premiar os hóspedes com consumos mais sustentáveis. Outros painéis garantem o aquecimento das águas. Tanto os materiais como os equipamentos do alojamento são ecológicos e de longa duração, como o resysta, feito a partir de cascas de arroz e mais resistente que a madeira. Somam-se a iluminação led por sensores, reciclagem por piso, reaproveitamento de águas pluviais ou placas de purificação do ar nas casas de banho, pequenos grande detalhes que fazem a diferença.

Cooking and Nature Emotional Hotel

Cooking and Nature Emotional Hotel

Cooking and Nature Emotional Hotel & The Nest: Pegada reduzida
Perfeitamente integrados na paisagem do Parque Natural das Serras de Aire e Candeeiros, dois alojamentos convivem em perfeita comunhão com a Natureza, não a agredindo e como se dela fizessem parte. O respeito pelo espaço onde se insere é notório nos materiais de construção que combinam a pedra e a madeira. A pegada ecológica dos Cooking and Nature Hotels (tel. 244447000), o Emotional Hotel e o The Nest é reduzida e a sustentabilidade apura-se na forma como os hóspedes são incentivados a relacionar-se com a paisagem.

Neya Lisboa: Sustentabilidade urbana
Desde que abriu portas em 2011, este hotel instalado no centro de Lisboa foi pioneiro em abraçar a sustentabilidade em meio urbano, o que já lhe valeu diversas distinções. Alia a questão ambiental – com gestão eficiente de resíduos, energia e água – às valências solidárias, nomeadamente o quarto solidário, disponível gratuitamente para famílias carenciadas que se desloquem para consultas médicas, tratamento hospitalar ou internamento. A visão de sustentabilidade tripartida – ambiental, económica e social – do Neya Lisboa (Tel. 218413051) estende-se ainda à plantação de 750 árvores para compensar o CO2 libertado para a atmosfera, a política “plastic free” ou o incentivo à utilização de bicicletas tanto por hóspedes como por funcionários.

São Lourenço do Barrocal

São Lourenço do Barrocal

São Lourenço do Barrocal: Terracota e cal
A reabilitação de São Lourenço do Barrocal, em Monsaraz (Tel. 266247140), foi pensada de acordo com a arquitetura da região, privilegiando o trabalho dos artesãos e fornecedores locais. O projeto é assinado por Souto Moura que preferiu materiais orgânicos como tijolos de terracota e o tradicional revestimento a cal. Artes como a tecelagem, olaria ou carpintaria são elementos preponderantes da construção e do design de interiores, relevantes ainda como elo entre o projeto e a região/comunidade local.

Herdade da Malhadinha Nova: Produção em modo biológico
Os 455 hectares da Herdade da Malhadinha, em Albernoa (Tel. 284965432) funcionam em regime biológico. Significa, por exemplo, que os solos têm fertilização natural e que o corte das ervas infestantes é feito com pastoreio das ovelhas. Foi das primeiras casas a aderir ao Programa de Sustentabilidade dos Vinhos do Alentejo, pioneiro e único no país. Reduziu os consumos e o rácio de água para produzir um litro de vinho é de 1/1 litro. Vinho, azeite e mel ostentam o Selo de Produção Sustentável, símbolo de mais de 20 anos de trabalho de preservação e de total envolvimento na região.

Traços de Outrora

Traços de Outrora

Traços D’Outrora: Identidade cultural
A autenticidade sociocultural dos territórios de acolhimento conservando a sua identidade cultural, foi um dos factores que levou à atribuição do galardão Green Key e do diploma de unidade turística sustentável, pela Biosphere Sustainable Lifestyle à Traços D’Outrora (Tel. 918795674). O alojamento tem vindo a recuperar a desertificada aldeia de Trebilhadouro, em Vale de Cambra, transformando as casas para a prática de turismo rural. As camas de ferro e os móveis antigos, são recuperados, as colchas em renda e as cortinas de linho conferem o conforto.

Moinho do Maneio: Eleger o que é local
Quase tudo aquilo que come ao pequeno-almoço no Moinho do Maneio, em Penamacor (Tel. 918904233), tem origem na produção local. Mirtilos, amoras, cerejas, melancia, uvas, são todos de pequenos produtores da zona. As framboesas são de produção própria. Os resíduos orgânicos (pão e fruta) vão diretos para os burrinhos do alojamento rural. Projeto familiar, denota atenção ao pormenor. O gel e champô são orgânicos e fabricados na região. Combinam bem com os bioshower, chuveiros amigos da pele e da saúde.

Bio-Pool Villas no Sublime Comporta (Foto: Carlos Vieira)

Bio-Pool Villas no Sublime Comporta (Foto: Carlos Vieira)

Sublime Comporta: Mergulhar num ecossistema vivo
Inspirado no mítico porto piscatório da Carrasqueira, construído por pescadores locais há mais de 50 anos para dominar a forte maré baixa do Rio Sado, o Sublime Comporta (Tel. 269449376) criou as Bio-Pool Suites. São “cabanas ao estilo da Comporta”, construídas sobre palafitas de madeira e suspensas sobre uma piscina biológica. A água é tratada apenas com plantas aquáticas, sem recurso a quaisquer químicos. É apontada como uma das maiores piscinas biológicas da Europa e convida a mergulhar a partir do seu terraço privado e nadar no seu ecossistema aquático natural.

Craveiral Farm House: Vida eterna à água
A proximidade à natureza é parte do ADN do Craveiral Farmhouse, em Odemira (Tel. 283249170). Este ideal, procurado pelos hóspedes, pede soluções. Águas cinzentas e negras são tratadas e reutilizadas para rega. Servem o sistema de segurança contra incêndios, apoiado pela plantação de árvores e plantas autóctones. A regeneração de habitat “Charco Temporário Mediterrâneo” mantém as águas da chuva mais tempo disponíveis. Recebem tratamento e ganham nova vida. A flora está viçosa, os solos saudáveis e a horta chega aos 7000m2.

Este texto foi adaptado do Manual SER Em Hotéis e Spas oferecido com a edição do Expresso de 7 de outubro 2022.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!