Blitz

Roger Waters: “Por mais que me tentem fazer parecer um idiota, não me venderei”

Roger Waters: “Por mais que me tentem fazer parecer um idiota, não me venderei”
Getty Images

Após ter defendido a Rússia e a China e ter criticado Joe Biden, Roger Waters mantêm a postura: "Irei defender, sempre, os direitos humanos"

Roger Waters atuou na passada quarta-feira em Columbus, no estado norte-americano do Ohio, onde aproveitou para fazer referência à mais recente polémica a envolvê-lo.

Recorde-se que Waters defendeu a Rússia e a China, ao mesmo tempo que criticou a forma como os EUA e o mundo ocidental em geral estão a abordar a guerra na Ucrânia.

Em tom de desafio, o músico afirmou, em palco: "Por mais que cortem as minhas entrevistas à CNN, por mais que me tentem fazer parecer um idiota, não me venderei", afirmou. "Irei defender, sempre, os direitos humanos".

Veja aqui esse momento:

Tem dúvidas, sugestões ou críticas? Envie-me um e-mail: clubeexpresso@expresso.impresa.pt

Comentários

Assine e junte-se ao novo fórum de comentários

Conheça a opinião de outros assinantes do Expresso e as respostas dos nossos jornalistas. Exclusivo para assinantes

Já é Assinante?
Comprou o Expresso?Insira o código presente na Revista E para se juntar ao debate
+ Vistas