Sociedade

PJ faz buscas na Presidência do Conselho de Ministros

29 setembro 2022 11:16

Hugo Franco

Hugo Franco

Jornalista

polícia judiciária

De acordo com a CNN, o secretário-geral David Xavier é o alvo da operação da unidade de combate à corrupção da PJ. Em causa, crimes de corrupção ativa e passiva, participação económica em negócio e falsificação de documento

29 setembro 2022 11:16

Hugo Franco

Hugo Franco

Jornalista

A unidade de combate à corrupção da Polícia Judiciária está a realizar buscas na Presidência do Conselho de Ministros.

Em comunicado, o Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) revelou a existência de buscas em cinco diferentes locais, abrangendo sociedades comerciais, empresas de contabilidade, residências particulares e organismos de administração pública, nas regiões de Lisboa, Coimbra, Porto e Braga.

No inquérito investiga-se a eventual prática de crimes de corrupção ativa e passiva, participação económica em negócio e falsificação de documento.

Em causa estão factos relacionados com a adjudicação, através de ajuste direto, de contrato de prestação de serviços celebrado entre organismos da administração pública e sociedade comercial.

De acordo com a CNN, o alvo principal da operação é o secretário-geral, David Xavier, que está sob suspeita de corrupção e outros crimes associados à violação de regras de contratação pública a empresas privadas, de bens e serviços para o Governo.

A CNN refere que o secretário-geral da presidência do Conselho de Ministros é suspeito de obter benefícios pessoais, através de subornos, na aquisição para o Estado de sistemas informáticos a uma determinada empresa do norte do país - em ajustes diretos que alegadamente violam as regras de transparência.