Sociedade

Incêndios: Circulação na Linha da Beira Baixa suspensa e sem previsão de abertura

31 agosto 2022 21:41

Contactada pela agência Lusa, fonte da IP confirmou que a circulação ferroviária na Linha da Beira Baixa “foi suspensa pelas 16h30, entre Alcains e Castelo Branco para permitir o combate a vários focos de incêndio” verificados junto à ferrovia

31 agosto 2022 21:41

A circulação ferroviária na Linha da Beira Baixa está suspensa entre Alcains e Sarnadas devido a vários focos de incêndio que deflagraram esta quarta-feira à tarde, adiantou à agência Lusa a Infraestruturas de Portugal (IP).

Contactada pela agência Lusa, fonte da IP confirmou que a circulação ferroviária na Linha da Beira Baixa “foi suspensa pelas 16h30, entre Alcains e Castelo Branco para permitir o combate a vários focos de incêndio” verificados junto à ferrovia.

Questionada sobre a origem destes (oito) focos de incêndios que deflagraram hoje junto à linha da Beira Baixa entre as 16:13 e as 16:43, a mesma fonte informou que a “causa dos mesmos está a ser apurada pelas autoridades competentes”.

Às 21:10, a IP confirmou à Lusa que a circulação na Linha da Beira Baixa ainda se encontrava “suspensa entre Alcains e Sarnadas”.

“Os focos de incêndio prolongaram-se até Sarnadas (Castelo Branco). Alguns ainda se encontram em fase de rescaldo, não havendo previsão para o restabelecimento da circulação”, concluiu.