Sociedade

Polícia Judiciária detém suspeito de crime de fogo florestal em Santa Comba Dão

2 agosto 2022 17:40

O incêndio, do qual o detido terá sido autor, ocorreu no dia 21 de julho deste ano, “entre as localidades de Alvarim e Chancela, na freguesia de Dardavaz, concelho de Santa Comba Dão”, no distrito de Viseu

2 agosto 2022 17:40

Um homem de 47 ano foi detido pela “presumível prática de um crime” de incêndio florestal na freguesia de Dardavaz, em Santa Comba Dão, anunciou esta terça-feira a Polícia Judiciária (PJ).

“A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, com a colaboração do Grupo de Trabalho para a Redução das Ignições em Espaço Rural e da GNR de Santa Comba Dão, deteve um homem, de 47 anos, pela presumível prática de um crime de incêndio florestal”, refere uma nota da PJ.

De acordo com o mesmo comunicado, o incêndio, do qual o detido terá sido autor, ocorreu no dia 21 de julho deste ano, “entre as localidades de Alvarim e Chancela, na freguesia de Dardavaz, concelho de Santa Comba Dão”, no distrito de Viseu.

“O suspeito, com uso de chama direta, terá ateado o incêndio junto a uma estrada, em zona com vasta mancha florestal e confinante com zona urbana, que só não ganhou proporções mais gravosas pela rápida intervenção de uma testemunha”, conta o documento.

Segundo a PJ, o detido vai ser presente ao Tribunal Judicial de Viseu para primeiro interrogatório judicial, para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.