Sociedade

“Brückner é um bode expiatório, nenhuma prova contra ele tem sustentabilidade”, diz investigador do novo documentário sobre Maddie

3 maio 2022 10:32

Os investigadores estão convencidos de que o alemão Christian Bruckner foi o autor do rapto de Madeleine McCann na noite de 3 de maio de 2007. O cidadão alemão, que vivia em Portugal, foi agora constituído arguido

d.r.

Homem que acusou alemão do rapto da menina inglesa é pouco credível, Brückner tinha uma namorada com quem passava as noites e o telemóvel que as autoridades germânicas atribuem ao suspeito não seria dele nem é possível provar que estava junto ao apartamento, concluiu Mark Williams-Thomas. ‘Madeleine McCann: Caça ao suspeito principal’, dividido em três episódios, começa a ser transmitido esta terça-feira no canal AMC Crime, dia em que se assinalam 15 anos desde o desaparecimento de Maddie

3 maio 2022 10:32

Christian Brückner “é um bode expiatório” no caso de Madeleine McCann. Esta a conclusão de Mark Williams-Thomas, antigo polícia britânico, que coordenou um novo documentário sobre o mistério. ‘Madeleine McCann: Caça ao suspeito principal’, dividido em três episódios, desmonta as provas das autoridades germânicas contra o suspeito, e começa a ser transmitido, em Portugal, esta terça-feira (23h25, no canal AMC Crime). O dia em que se assinalam 15 anos desde que a menina inglesa desapareceu do apartamento onde passava férias com os pais, a 3 de maio de 2007, na Praia da Luz, perto de Lagos, no Algarve.