Sociedade

Não há altas patentes das Forças Armadas entre os detidos na rede de tráfico de diamantes

8 novembro 2021 15:45

Hugo Franco

Hugo Franco

Jornalista

tiago miranda

Além de militares, entre os dez detidos na operação da Polícia Judiciária e do DIAP de Lisboa estão alguns testas de ferro ligados ao tráfico de diamantes, ouro e droga

8 novembro 2021 15:45

Hugo Franco

Hugo Franco

Jornalista

O grupo de militares portugueses que se dedicou ao tráfico de diamantes, ouro e droga proveniente das missões humanitárias da ONU na República Centro-Africana e que foi esta segunda-feira desmantelado pela Unidade Nacional de Combate à Corrupção (UNCC) da Polícia Judiciária e Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa não é constituído por altas patentes das Forças Armadas, apurou o Expresso junto de fonte judicial.