Política

OE2023: Marcelo recebe partidos em Belém e convoca Conselho de Estado

21 setembro 2022 14:54

Marcelo Rebelo de Sousa

ueslei marcelino/reuters

A audiência com os partidos vai realizar-se depois da viagem de cinco dias à costa ocidental norte-americana para contactar com a comunidade portuguesa. A reunião do Conselho de Estado será depois dos encontros com os partidos

21 setembro 2022 14:54

O Presidente da República vai ouvir os partidos com representação parlamentar sobre o Orçamento do Estado para 2023 depois da viagem aos Estados Unidos. As audições com os partidos antes do debate parlamentar do OE são uma tradição iniciada por Marcelo, que também anunciou a reunião do Conselho de Estado

Sem referir uma data em concreto, o chefe de Estado referiu que a reunião do Conselho de Estado vai ser depois das audiências no Palácio de Belém com PS, PSD, Chega, Iniciativa Liberal, PCP, BE, PAN e Livre sobre o Orçamento do Estado para 2023.

Marcelo Rebelo de Sousa disse que irá receber os seis partidos com assento parlamentar e os dois deputados únicos do Livre e do PAN no Palácio de Belém durante uma aula na Escola Secundária Pedro Nunes, em Lisboa, antigo liceu que frequentou quando era mais novo.

A audiência com os partidos vai realizar-se depois da viagem de cinco dias à costa ocidental norte-americana para contactar com a comunidade portuguesa, mas o chefe de Estado não avançou um dia concreto.

A discussão da proposta de Orçamento do Estado para 2023 vai realizar-se a partir de outubro, agora em contexto de maioria absoluta do PS.

O Presidente da República vai visitar comunidades emigrantes portuguesas no estado norte-americano da Califórnia, entre São Diego e São Francisco, a partir de sábado, cumprindo uma promessa que fez em 2018.

Na Costa Oeste dos Estados Unidos da América o chefe de Estado passará por São Diego, Los Angeles, pela área da baía de São Francisco, incluindo também a cidade de São José, e pelo Vale de São Joaquim.

Durante esta visita de cinco dias, Marcelo Rebelo de Sousa irá à Universidade de Stanford, em Palo Alto, e participará no lançamento da construção de um monumento de homenagem a produtores de leite portugueses.

A Califórnia é o estado norte-americano com mais luso-americanos, atualmente com cerca de 300 mil habitantes de origem portuguesa.

Em 2018, o Presidente da República, juntamente com o primeiro-ministro, António Costa, celebrou o 10 de Junho nas cidades norte-americanas de Boston, Providence e New Bradford junto de emigrantes portugueses e lusodescendentes dos estados de Massachusetts e Rhode Island.

Numa intervenção em Boston, Marcelo Rebelo de Sousa prometeu voltar em breve para estar outras comunidades portuguesas "que ficaram muito tristes" por não as visitar naquela ocasião, como as da Costa Oeste.