Política

“Não vou desistir até ser primeiro-ministro”, promete Ventura, reconfirmado na liderança do Chega

18 setembro 2022 20:31

paulo cunha/lusa

“Nascemos para salvar Portugal e foi esse o mandato que recebi”, declarou Ventura, que diz ver o “comboio da história” a passar pelo Chega. Voltou a ver a liderança reconfirmada e chamou “cobardes” aos opositores que não foram à Batalha

18 setembro 2022 20:31

Após ver a sua liderança reforçada com 97,2% dos votos numa moção de confiança, André Ventura teve outra visão: a do “comboio da história”. Em quase 40 minutos de discurso, desferiu ataques aos seus opositores internos e fez várias promessas. “Não vou desistir até ser primeiro-ministro de Portugal”, assegurou este domingo no Exposalão – Centro de Exposições, na Batalha, onde decorreram os dois dias do XI Conselho Nacional do Chega. “O comboio da história só passa uma vez por nós. Está a passar aqui neste momento. Eu vejo-o! É o enorme comboio da história. É um comboio que eu posso quase sentir com a minha mão e a minha transpiração”, garantiu. E lançou a pergunta: “Que partido seríamos nós se não apanhássemos esse comboio?”.