Política

Marcelo vetava o fim dos debates quinzenais... se pudesse

12 agosto 2020 20:43

Vítor Matos

Vítor Matos

Jornalista

gregório cunha/lusa

O Presidente da República não deixaria passar a redução do escrutínio do primeiro-ministro no Parlamento, se o diploma lhe passasse pelas mãos. Naqueles termos seria devolvido. Com os dois vetos desta semana, Marcelo tenta atenuar aquilo que considera serem os efeitos perversos para a democracia do entendimento de Rio com Costa.

12 agosto 2020 20:43

Vítor Matos

Vítor Matos

Jornalista

Marcelo Rebelo de Sousa mostrou esta semana que está nos antípodas do entendimento sobre as alterações ao funcionamento do sistema político de Rui Rio (que propôs) e de António Costa (que aceitou). O Presidente da República vetaria o fim dos debates quinzenais com o primeiro-ministro se essa alteração precisasse do carimbo de Belém, sabe o Expresso de um fonte próxima do Chefe de Estado, mas como a medida decorre de uma mudança do regimento da Assembleia da República, não passa pelo crivo presidencial.