Política

TAP. Guerra de meses entre Pedro Nuno Santos e Lacerda Machado agravou o impasse. Costa tentou colar os cacos

1 julho 2020 15:47

Lacerda Machado e António Costa

marcos borga

Ministro das Infraestruturas e representante do Governo na TAP andaram meses em rota de colisão sobre a estratégia para a empresa. António Costa chegou a intervir para corrigir o ministro. E o jogo de passa-culpas já começou. O comentador Adão e Silva, na RTP, acusou Nuno Santos de ter desvalorizado a TAP e prejudicado as negociações com Bruxelas com uma "bravata ideológica". Lacerda Machado não pensa outra coisa. O primeiro-ministro prepara-se para o que menos queria - a nacionalização

1 julho 2020 15:47

Com o futuro da TAP em suspenso, o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, e o representante do Estado na empresa, Diogo Lacerda Machado, andaram meses em rota de colisão sobre a estratégia para a transportadora aérea e há nos bastidores das negociações - que esta quarta-feira fracassaram tornando a nacionalização praticamente inevitável -, um jogo de passa-culpas sobre o papel de um e de outro no impasse que há meses se arrasta.