O Mundo a Seus Pés

O Mundo a Seus Pés #14: A pandemia vai mudar as relações entre países e a circulação internacional de alimentos?

30 março 2020 17:37

Pedro Cordeiro

Pedro Cordeiro

Editor da Secção Internacional

A segunda pandemia do século XXI está a mudar equilíbrios geoestratégicos e a criar uma nova relação de forças entre as grandes potências mundiais. A única certeza que temos é que os Estados Unidos da América não quiseram ou não foram capazes de afirmar a sua liderança, como acontecia desde o fim da II Guerra Mundial. E que a China se afirma cada vez mais como a (nova) grande potência mundial. A alteração da geoestratégia mexe com a nossa segurança e defesa, com o comércio mundial, a produção e circulação de alimentos que consumimos todos os dias

30 março 2020 17:37

Pedro Cordeiro

Pedro Cordeiro

Editor da Secção Internacional

São convidados deste episódio Nuno Severiano Teixeira, ex-ministro da Defesa e da Administração Interna, catedrático de Relações Internacionais da Universidade Nova Lisboa, e também diretor e fundador do Instituto Português de Relações Internacionais (IPRI); e Francisco Sarmento, que dirigiu o escritório da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) em Portugal, até este ser encerrado no final de 2019.

Este podcast teve a colaboração da Manuela Goucha Soares, jornalista do Expresso. A edição técnica foi do Rúben Tiago Pereira e a moderação ficou a cargo do Pedro Cordeiro, editor de Internacional do Expresso.

Lembramos que este é, pela segunda vez, um episódio diferente de O Mundo a seus Pés. Foi gravado com telefone e computador, obedecendo às normas de distanciamento social recomendadas pela Organização Mundial de Saúde e pela Direção-Geral de Saúde.

O Mundo a Seus Pés é o podcast da secção internacional do Expresso. De 15 em 15 dias falamos de assuntos que dominam a atualidade mundial. Para decifrar um mundo cada vez mais complexo, contaremos com os nossos jornalistas, mas também com correspondentes e outros convidados, que nos ajudarão a explicar o que se passa nas várias paragens do planeta.

Não estamos necessariamente colados às notícias da quinzena, mas a grandes questões de interesse global, procurando voltar a nossa análise para o futuro.

tiago pereira santos