Internacional

Angola: mais de 80 mil agentes da autoridade garantem a segurança da votação

24 agosto 2022 12:03

Eleitores aguardam a sua vez de votar numa assembleia de voto em Luanda

john wessels/getty images

A votação está a decorrer sem sobressaltos em todo o país, dizem as autoridades, que destacaram agentes extra para garantir a ordem do processo

24 agosto 2022 12:03

A votação decorre em segurança declara o sub-comissário da Polícia Nacional (PN) angolana, Mateus Rodrigues, corroborando as declarações ao “Jornal de Angola” do porta-voz da Comissão Nacional Eleitoral, Lucas Quilundo: “A votação decorre com a necessária celeridade” e sem sobressaltos em todo o país.

Quilundo informou que não tinha sido registado nenhum constrangimento ou incidente na altura da abertura das urnas por todo o país e apelou a que não fossem colocados impedimentos aos eleitores que se apresentem para votar sem máscara.

O pleito que está a decorrer esta quarta-feira desde as 7h teve no terreno desde o início da campanha um total de 80.182 efetivos agentes da autoridade encarregues de garantir a segurança do escrutínio, aos quais se juntaram mais recentemente 1300 observadores eleitorais que têm por missão “garantir a lisura do processo de votação e da contagem dos votos”, lê-se no “Novo Jornal”.

Assembleia de voto em Luanda

Assembleia de voto em Luanda

john wessels/getty images

O círculo nacional, no qual estão recenseados 14,4 milhões de eleitores, aos quais se juntam, pela primeira vez, os votos de 22.560 emigrados angolanos em 25 cidades de 12 países de África, Europa e América, elegem 130 deputados e os círculos das 18 províncias elegem 90, cinco deputados por cada uma delas. A Comissão Nacional de Eleições montou 13.238 assembleias de voto com um total de 26.488 mesas de voto.

Segundo este diário luandense, espera-se que os primeiros resultados provisórios possam ser anunciados na manhã de sexta-feira, 26. Os resultados definitivos poderão levar até 15 dias a serem anunciados. A média das eleições anteriores para este prazo de anúncio definitivo de escrutínios foi de 14 dias.