Internacional

Trump telefona a Marcelo e elogia "resposta forte" à covid-19

2 maio 2020 10:03

Expresso

getty images

Presidência da República e Casa Branca confirmam conversa telefónica entre os dois presidentes. Trump já tinha dito que Portugal é "um país de grande beleza e de ótimas pessoas". Agora elogia a capacidade de resposta nacional no combate à covid-19

2 maio 2020 10:03

Expresso

No Dia do Trabalhador, Marcelo Rebelo de Sousa falou ao telefone com o Presidente norte-americano, Donald Trump, que elogiou o desempenho de Portugal e ofereceu toda a ajuda no combate à pandemia de covid-19. A divulgação da conversa foi feita primeiro numa nota divulgada no portal da Presidência da República e, mais tarde, numa nota da própria Casa Branca.

"O presidente Donald Trump ligou ao início da tarde ao Presidente Marcelo Rebelo de Sousa, tendo sido abordados, em tom muito cordial, diversos assuntos de interesse bilateral, em particular de natureza económica e da situação internacional", lê-se na nota do Palácio de Belém.

A pandemia da covid-19, que atinge de forma particularmente grave os Estados Unidos, foi, naturalmente, tema da conversa. "O Presidente americano elogiou o desempenho português neste surto pandémico e ofereceu toda a ajuda que fosse considerada útil e necessária, o que o Presidente português agradeceu", prossegue a nota. Só nas últimas 24 horas, os Estados Unidos registaram 1 883 mortes devidas à pandemia, que já matou um total de 64 700 americanos, tornando os EUA um dos principais focos mundiais de infeção, com um total de 1 103 115 infetados. Portugal registou, esta sexta feira, um total de 1007 mortes e 25 351 infectados por covid-19.

Na conversa entre os dois Presidentes, Marcelo Rebelo de Sousa "sublinhou a importância da cooperação internacional e do quadro multilateral das organizações internacionais para enfrentar os desafios comuns, incluindo a prioridade na luta à pandemia e a importância das lições aprendidas" . A nota publicada no portal da Presidência da República na internet menciona ainda que nesta conversa telefónica foi "referida a participação de uma empresa portuguesa nos testes científicos nos Estados Unidos da América, para a produção de um medicamento específico".

Horas mais tarde, a Casa Branca emitiu uma nota de imprensa sobre esta conversa entre os dois chefes de Estado, dizendo que Donald Trump e Marcelo Rebelo de Sousa "discutiram os mais recentes esforços para combater a pandemia do coronavírus e para uma reabertura global das economias". "O Presidente Trump elogiou o Presidente Marcelo Rebelo de Sousa pela sua resposta forte para ajudar a travar a propagação do vírus", refere-se na mesma nota.

Recorde-se que Marcelo Rebelo de Sousa visitou oficialmente os Estados Unidos em Julho de 2018, altura em que se encontrou com Donald Trump na Casa Branca, aproveitando a ocasião para convidar o seu homólogo americano a visitar Portugal no ano seguinte. Trump não chegou a aceitar o convite, mas aproveitou a conferência de Imprensa que se realizou no final do encontro, para elogiar Portugal e os portugueses. "Temos uma relação tremenda com Portugal", disse, classificando o país como "de grande beleza e de ótimas pessoas".