Exclusivo

Economia

Empresas já podem candidatar-se à semana de quatro dias. Explicamos-lhe como em 11 perguntas e respostas

Empresas já podem candidatar-se à semana de quatro dias. Explicamos-lhe como em 11 perguntas e respostas
SASCHA STEINBACH/EPA

Manifestação de interesse pode ser formalizada através da página do Instituto do Emprego e Formação Profissional até ao final deste ano. Empresas têm de explicar o que as motiva a integrar o programa piloto

Não basta inscrever-se. É preciso explicar o porquê e a resposta que der pesará no processo de seleção. O Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) já tem disponível o formulário para que as empresas interessadas em integrar o projeto-piloto que o Governo vai conduzir, a partir de junho de 2023, para testar a viabilidade de uma semana de trabalho mais curta no país. Neste descodificador explicamos-lhe como se pode candidatar e como funcionará esta experiência que tem sido contestada pelos patrões e coloca dúvidas também aos sindicatos.

Artigo Exclusivo para assinantes

Assine já por apenas 1,63€ por semana.

Já é Assinante?
Comprou o Expresso?Insira o código presente na Revista E para continuar a ler

Tem dúvidas, sugestões ou críticas? Envie-me um e-mail: cmateus@expresso.impresa.pt

Comentários

Assine e junte-se ao novo fórum de comentários

Conheça a opinião de outros assinantes do Expresso e as respostas dos nossos jornalistas. Exclusivo para assinantes

Já é Assinante?
Comprou o Expresso?Insira o código presente na Revista E para se juntar ao debate
+ Vistas