Economia

Bancos a fechar contas a empresas cripto? "É um atestado de desconfiança" ao Banco de Portugal

3 agosto 2022 20:13

Getty Images

Bancos não aceitam contas abertas por empresas supervisionadas pela autoridade bancária que atuam no mercado dos criptoativos. CGD defende que a supervisão prevista na lei é pouco abrangente. Reino Unido e Lituânia recebem contas recusadas no país

3 agosto 2022 20:13

As empresas que oferecem serviços de criptomoedas licenciadas pelo Banco de Portugal (BdP) estão, na prática, impedidas de usar os bancos nacionais depois de todos lhes terem fechado a porta ao encerrarem-lhes, desde o início de 2022, as contas. O que está a suscitar críticas junto das empresas que pediram licença junto do supervisor: estas dizem que os bancos estão, na prática, a partir do princípio que a supervisão do supervisor terá falhas. Do lado da banca, a defesa é que há políticas de gestão de risco que permitem a recusa dos clientes, e a Caixa Geral de Depósitos diz mesmo que o problema é que a supervisão prevista sobre estas entidades é pouco abrangente.