Economia

Taxa de poupança das famílias cai para 8,3% no primeiro trimestre

24 junho 2022 11:54

Foto: Getty Images

A taxa de poupança das famílias portuguesas caiu 2,4 pontos percentuais no primeiro trimestre face ao anterior, para 8,3% do rendimento disponível

24 junho 2022 11:54

A taxa de poupança das famílias caiu 2,4 pontos percentuais no primeiro trimestre face ao anterior, para 8,3% do rendimento disponível, divulgou esta sexta-feira, 24 de junho, o Instituto Nacional de Estatística (INE).

O rendimento disponível bruto das famílias aumentou 1,4% no primeiro trimestre face ao trimestre anterior, com crescimentos de 1,7% e 2,4% das remunerações e do Valor Acrescentado Bruto (VAB), respetivamente, indicam as contas nacionais trimestrais por setor institucional do INE.

Porém, a despesa de consumo final aumentou 4,1% (face a 2,3% no trimestre anterior), "determinando a redução da taxa de poupança para 8,3% (10,7% no trimestre anterior), o que, em conjunto com o aumento do investimento, conduziu à redução da capacidade de financiamento em 1,9 pontos percentuais (p.p.), para 2,4% do PIB", explica o INE.