O prato forte da jornada

Estoril vs Casa Pia: Arroz de marisco ou Filetes de pescada?

13 janeiro 2023 11:02

É com sabor a mar que se discute a jornada 16 da Primeira Liga. O Grupo Desportivo Estoril Praia recebe o Casa Pia Atlético Clube e, à mesa, o “Arroz de marisco” do restaurante Muchaxo defronta os “Filetes de pescada ao estádio” do restaurante Dom Leitão. O Prato Forte da Jornada é uma iniciativa Boa Cama Boa Mesa, com o apoio da Betclic.

13 janeiro 2023 11:02

Sabe a mar este confronto gastronómico da jornada 16 da Primeira Liga de futebol, que coloca frente-a-frente duas equipas da região de Lisboa. O Estoril, na posição 14 da classificação, recebe segunda-feira, dia 16 de janeiro, pelas 21h15, a equipa sensação da prova, o Casa Pia, atualmente na quinta posição. António Muchacho, sorridente, aposta na recuperação da equipa canarinha e avança em força com “Arroz de marisco”, um clássico do restaurante Muchacho, localizado no Guincho, enquanto Marco Gomes, do Dom Leitão, ao lado do Pina Manique entra na luta com “Filetes de pescada ao estádio”.

Grupo Desportivo Estoril Praia – Arroz de Marisco

"Arroz de marisco" do restaurante Muchaxo

"Arroz de marisco" do restaurante Muchaxo

Antes de entrar em jogo, António Muchacho avisa logo que “ou tem muita fome, ou é melhor vir com companhia” para conseguir levar a melhor sobre o “Arroz de marisco” (€39) que se orgulha de apresentar à mesa. E, de facto, é imponente este prato, um dos mais procurados no restaurante com vista para o Guincho, propriedade de um dos mais famosos sócios e adepto do Estoril-Praia. “Está aqui muito trabalho”, garante, “e marisco do melhor, o segredo do sucesso”. Primeiro, “devagarinho”, avisa, faz-se um refogado com azeite, cebola alho e os temperos obrigatórios. Depois, entram as gambas, seguidas pela amêijoa e pelo berbigão, que abrem caminho à sapateira. Só no fim, consoante o que o mercado ditar, entra a lagosta e o lavagante, termina a cozedura.

António Muchacho aposta em "Arroz de marisco"

António Muchacho aposta em "Arroz de marisco"

António Muchaxo ainda recorda o dia em que se fez sócio do Estoril-Praia, o clube que sempre lhe encheu o coração. É o sócio número 60 e está ligado ao emblema “canarinho” praticamente desde que nasceu. Lembra-se ainda da amizade com vários jogadores e treinadores do clube, entre os quais, o antigo selecionador nacional Fernando Santos, que iniciou a carreira de treinador do Estoril Praia na época de 1986/87. De igual modo, é saudosista quando recorda o curto percurso, da praia até à Estalagem Muchaxo, no Guincho, feito de adversidades e luta, mas que lhe rechearam a vida de alegrias. Foi em 1945 que abriu a Barraca, nome inicial do Muchaxo, um espaço sem água, nem luz, cujo serviço era feito num chão de areia. A aventura cresceu devagar, mas graças à fama e ao prestígio alcançados, consegue adquirir o espaço da antiga fortaleza, datada do século XVII. Em 1964, após extensas obras na Bateria da Galé, a Barraca passa a designar-se Estalagem Muchaxo, com 17 quartos, restaurante e bar. Hoje tem 60 alojamentos. António Muchaxo recorda com saudades a passagem de Walt Disney, de Henry Ford II ou Aldo Moro, para citar apenas alguns. O Restaurante Muchaxo (Praia do Guincho, Cascais. Tel. 214870221) não encerra.

Casa Pia Atlético Clube - Filetes de pescada ao estádio

"Filetes de pescada ao estádio"

"Filetes de pescada ao estádio"

O segredo para estes “Filetes de pescada ao estádio” (€9,50) está no peixe fresco e no polme usado para o fritar. O óleo tem de estar bem quente, o filete devidamente temperado com uma pitada de sal, limão e uns dentes de alho. Só após adquirir o sabor dos temperos é que, demoradamente, passa pelo ovo e pelo pão ralado até atingir o dourado perfeito. À parte, faz-se um refogado com bastante tomate, que, após apurado, leva o arroz servido como acompanhamento, corrido, como é suposto, e decorado com umas folhinhas de salsa picada.

Marco Gomes defende o clube com "Filetes de pescada ao estádio"

Marco Gomes defende o clube com "Filetes de pescada ao estádio"

Marco Gomes é o responsável pelo restaurante Dom Leitão, e está mais do que familiarizado com os jogadores, corpo técnico e dirigentes do Casa Pia Atlético Clube. Com a atual classificação, cruza os portões do estacionamento com um sorriso, já que o restaurante está localizado no Estádio de Pina Manique, onde o Casa Pia joga regularmente. Antes ou depois dos treinos, é comum os jogadores se sentem à mesa do restaurante e aproveitarem as especialidades da casa. No restaurante Dom Leitão (Estádio Pina Manique, Lisboa. Tel. 217649859), as refeições terminam sempre com um café acompanhado com uma nata, cortesia da casa.

O Prato Forte da Jornada é uma iniciativa Boa Cama Boa Mesa, com o apoio da Betclic, que ao longo de toda a temporada vai colocar em confronto as receitas tradicionais das regiões dos clubes que disputam a Primeira Liga de Futebol. Para a semana saiba que pratos representam a gastronomia do Famalicão e do Rio Ave.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!