Um destino e tanto

Uma viagem por meio milhão de livros em Óbidos, Cidade Criativa da Literatura

4 outubro 2022 10:22

Livraria de Santiago, em Óbidos

A presença de dois prémios Nobel, o Folio Tec, ligado à tecnologia, e o Folio Inclusão, juntam-se, este ano, pela primeira vez às tertúlias e mesas de autor, conferências, masterclasses, lançamento de livros, exposições, cinema e concertos. Entre 6 e 16 de outubro, o Folio transforma Óbidos na capital mundial da literatura

4 outubro 2022 10:22

O Folio - Festival Literário Internacional de Óbidos, regressa à vila medieval, que desde 2015 é Cidade Criativa da Literatura da UNESCO, para mais uma edição, a sétima, a decorrer entre os dias 6 e 16 de outubro. Com cerca de 200 iniciativas programadas, o certame conta com a presença de aproximadamente 300 autores, provenientes de todo o mundo. O grande destaque deste ano vai, contudo, para a presença, pela primeira vez no evento, de dois prémios Nobel, a polaca Olga Tokarczuk, Nobel da Literatura em 2018, e o nigeriano Wole Soyinka, Nobel da Literatura em 1986.

Folio, Óbidos

Folio, Óbidos

turismo centro de portugal

Subordinada ao tema “O Poder”, esta é uma edição “com uma programação de excelência”, como assegura Margarida Reis, vereadora da Educação e Cultura da Câmara Municipal de Óbidos. “Sendo 2022 o Ano do Bicentenário da Independência do Brasil, é de salientar, com tratamento especial, as Comemorações do Centenário da travessia aérea do Atlântico Sul pelos aviadores Gago Coutinho e Sacadura Cabral; bem como as Comemorações do Centenário de José Saramago”, desvenda. “Iremos apresentar uma programação mais ampla nas diversas linhas de programação estratégicas: Folio Autor, Folio Mais, Folio Educa, Folio Ilustra, Folio BD, Folio Boémia, Folio Inclusão e Folio TEC, sendo que estas duas últimas linhas são novidades”, revela a autarca.

A edição de 2022 do Folio - Festival Internacional de Literatura de Óbidos decorre em 24 espaços da vila, contabilizando 16 exposições, 36 concertos, 14 mesas de autores, 62 apresentações e lançamentos de livros, 16 oficinas e ainda tertúlias, workshops, masterclasses e sessões de cinema. Mia Couto, David Baddiel, Arthur Larrue, Pilar Quintana e Natasha Brown são alguns autores que vão marcar presença no espaço Tenda Vila Literária. Quanto à música, o Palco INATEl está já pronto para receber nomes como Sara Carreira, Seiva, Cassete Pirata, Marta Hugon e NBC.

Óbidos

Óbidos

turismo centro de portugal

Cidade Criativa da Literatura

Conta já com mais de uma década o percurso de Óbidos na conquista da distinção de Cidade Criativa da Literatura da UNESCO. Tudo começou em 2011, com o projeto Óbidos Vila Literária, com uma enorme vontade de regeneração de um centro histórico através da realização de eventos massivos regeneradores, de revitalização económica e de valorização cultural e patrimonial. A estratégia começou por instalar uma enorme livraria generalista na Igreja de São Tiago, um templo do século XII, que tinha deixado de estar afeta ao culto religioso e encontrava-se abandonada e em mau estado de conservação. A partir daqui surge a ideia de construir uma rede física de livrarias, o que fez disparar, em menos de cinco anos, de zero para 11, os novos espaços de venda de livros, incluindo um hotel literário.

Livraria de São Tiago

Livraria de São Tiago

municipio de obidos

Meio milhão de livros é, aproximadamente, o número de exemplares atualmente existentes e distribuídos pelas 11 livrarias que integram a Cidade Criativa da UNESCO. A igreja de São Tiago, templo do século XII e um dos edifícios mais emblemáticos da vila, é agora a Grande Livraria de Santiago, mas pode igualmente visitar o Mercado Biológico de Óbidos, a funcionar num antigo quartel de bombeiros, onde se vendem produtos biológicos da região ao mesmo tempo que se espreitam alfarrabistas com livros raros.

The Literary Man

The Literary Man

Em passeio pelas ruelas, obrigatório beber a famosa Ginjinha de Óbidos, servida ou não em copo de chocolate, e visitar o The Literary Man, famoso hotel literário com uma fabulosa coleção de 75 mil livros à disposição. O hotel tem as portas abertas aos visitantes, mesmo que não alojados, que aqui podem comprar obras ou tomar uma refeição no restaurante, onde se servem pratos com nomes de obras literárias. No castelo usufrua de uma experiência de sonho dormindo num dos oito quartos (três nas torres de menagem) da Pousada Castelo de Óbidos. Outros oito alojamentos encontram-se num edifício contíguo, a Casa do Castelo.

Centro de Portugal... um destino e tanto é uma parceria Boa Cama Boa Mesa com o Turismo Centro de Portugal.