Boa Cama Boa Mesa

Saiba quem são os três chefs portugueses que estão entre os melhores do mundo

21 setembro 2022 11:54

A edição de 2022 do The Best Chefs Award coloca três chefs nacionais entre os melhores do planeta. Hans Neuner, “algarvio do coração”, José Avillez e Henrique Sá Pessoa são os nomes que representam Portugal nesta lista.

21 setembro 2022 11:54

Portugal tem três representantes nos 100 melhores chefs do mundo: Henrique Sá Pessoa, José Avillez e o austríaco já muito algarvio Hans Neuner. Henrique Sá Pessoa, chef do Alma, em Lisboa, sai da posição 38 para ocupar o lugar 70 nesta lista, enquanto José Avillez, do lisboeta Belcanto, deixa o lugar 44 para ocupar o número 80 da lista. Quanto a Hans Neuner, desce para a posição 62: em 2021 estava no lugar 50.

A apresentação dos prémios The Best Chef Awards decorreu na noite de terça-feira, dia 20, no Palácio de Cibeles, em Madrid. Naquela que é a sexta edição desta prestigiada lista, contaram-se as preferências de 350 júris, divididos pelos 100 chefs da lista de 2021, pelos 100 novos candidatos e ainda os de 150 especialistas, divididos entre críticos, jornalistas e gastrónomos.

Instagram

Pela segunda vez consecutiva, o espanhol Dabiz Muñoz, do DiverXO, em Espanha, é o Melhor Chef do Mundo. No bailado das subidas e descidas, o “Top 5” é ocupado por René Redzepi, do Noma, na Dinamarca, na segunda posição (sobe do lugar cinco e já ocupou o primeiro lugar), Joan Roca do El Celler de Can Roca, também em Espanha, sobe do lugar quatro para a terceira posição (já foi duas vezes o número um). Massimo Bottura da Osteria Francescana, em Itália, protagoniza uma das maiores subidas, do lugar 16 para a posição 4, e Andoni Luis Aduriz do Mugaritz, também em Espanha, passou do terceiro lugar para a posição 5 desta lista. Entre os primeiros cinco classificados, há três chefs espanhóis, que receberam a consagração em casa, sinal evidente da aposta do país vizinho na excelência da cozinha de Espanha.

Instagram

A lista do The Best Chef Awards destaca, ao contrário de outros prémios, a figura do chef em vez do restaurante. Os jurados, para a elaboração da lista final, consideram fatores como a criatividade, a inteligência, a paixão, a inovação, a sustentabilidade, o uso da tecnologia e da ciência, e ainda o impacto social positivo através da cozinha. À semelhança dos anos anteriores, há uma lista de 100 novos candidatos, com potencial de integrarem o “Top 100”. Este ano, João Oliveira do restaurante Vista, em Portimão, no Algarve, foi o único nome nacional a constar, mas não entrou na lista final.

Instagram

Henrique Sá Pessoa, Chef do Ano em 2021 para o guia Boa Cama Boa Mesa, reagiu a esta lista no Instagram, colocando uma fotografia com os outros dois representantes nacionais, escrevendo “Parabéns Portugal. 3 chefs e amigos no @thebestchefawards Top 100, #62 #80 e #70 respetivamente @hansneuner @joseavillez e parabéns ao @joaooliveira_chef pela nomeação! Parabéns ao @dabizdiverxo pelo segundo ano como #1
Parabéns Madrid pelo fantástico evento e organização! #bestchefawards #madrid #portugal🇵🇹”.

José Avillez, chef do Ano em 2018 para o Boa Cama Boa Mesa e Garfo de Platina em 2022 para o guia do Expresso, apenas publicou uma foto com o trio ganhador, com a legenda “Amigos @thebestchefawards. 628070” e Hans Neuner, Chef do ano em 2019 e Garfo de Platina em 2021 para o Boa Cama Boa Mesa, limitou-se a fazer uma publicação dizendo “Bestchefaward”.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!