Boa Cama Boa Mesa

Vamos vindimar? 10 propostas para comemorar este ritual milenar no Alentejo

29 agosto 2022 15:02

Herdade da Malhadinha Nova

Região vitivinícola de excelência, há muito que o Alentejo não está apenas coberto de espigas douradas, mas também de vinhas, alimentadas pela força da terra e pelo calor, do clima e das pessoas. Viver o espírito da vindima com as cores e aromas desta paisagem sempre surpreendente é o denominador comum destas propostas

29 agosto 2022 15:02

Entre castas e solos muito diferentes, o Alentejo revela-se uma aventura de descoberta de vinhos e formas de produção, ou não fosse há mais de dois mil anos o reduto de conservação do vinho de talha, por exemplo. Mas se a tradição se mantém, a inovação não se faz esperar. Nesta época de emoção, percorra as vinhas, colha os cachos, saiba das histórias das pessoas e das quintas, visite as adegas de autor, mas sobretudo prove muito. Siga o roteiro traçado pelo Boa Cama Boa Mesa.

Adega Mayor

Adega Mayor

sara matos

Até à “meditrinalia” em Monforte
Respeitando as raízes romanas, a Herdade de Torre de Palma, em Vaiamonte, no concelho de Monforte, celebra o vinho na “Lusitânia”. A “vinalia rustica” marca o início das vindimas, que termina em meados de outubro, comemorando a “meditrinalia”, data em que o mosto é consagrado. No Programa de Vindimas 2022 recebe as boas-vindas ao Torre de Palma Wine Hotel (Tel. 245038890), com chapéu, avental e tesoura de vindima, admira as vinhas, conhece as castas e faz a colheita manual da uva. Seleciona as melhores uvas na mesa de escolha e visita a adega com prova de mostos da vindima 2022. Merece especial referência a Adega, com arquitetura desenhada pelo arquiteto multipremiado João Mendes Ribeiro. Almoce ou jante no restaurante Palma, chefiado por Miguel Laffan, com bebidas selecionadas. Como lembrança desta vindima tem a oferta de uma garrafa de vinho Torre de Palma Tinto Basilii (programa e uma noite de alojamento desde €84), uma homenagem à família Basilii que habitava as vizinhas ruínas romanas de Torre de Palma.

Torre de Palma Wine Hotel

Torre de Palma Wine Hotel

Vindimas e piquenique na serra de São Mamede
O primeiro Centro de Enoturismo da família Symington fora da região Norte, a Quinta da Fonte Souto, localizada em Portalegre, desenvolveu um programa especial para as vindimas. De 5 a 25 de setembro, visite a quinta e a adega com um guia. Passeie pela vinha, saiba mais sobre a propriedade, o terroir e os vinhos Quinta da Fonte Souto, do processo de estágio à evolução do vinho, ou tipo de barricas utilizado, e faça a prova de três vinhos (€15). Siga para um piquenique em comunhão com a natureza no final da atividade das vindimas, no Parque Natural da Serra de São Mamede. No cesto leva pão rústico, chutney de cogumelos e coentros, queijo curado alentejano, paio do cachaço de porco preto, azeitonas, broas de bolota e fruta da época. Acompanha água e uma garrafa de Florão Branco (€35). A vindima na Quinta da Fonte Souto (Tel. 910104292) requer reserva antecipada de 48 horas.

Portas abertas para a Vindima Mayor
Com a planície alentejana como pano de fundo, a equipa da Adega Mayor (Tel. 268699440) convida a viver a energia única da vindima. Até dia 18 de setembro, desfrute de dois programas de enoturismo, descobrindo a cultura alentejana, os segredos e técnicas de vindima manual e todo o processo de produção do vinho. A Vindima Mayor 2022 inicia-se pela manhã, com explicação do corte dos cachos de uvas e respetiva seleção. Percorra a vinha, contemple as diferentes castas e conheça a adega, desenhada pelo arquiteto Siza Vieira, passando pelas zonas de vinificação e pela imponente sala de barricas, onde acontece a prova do mosto e degustação dos vinhos. A visita guiada continua com um workshop vínico, uma viagem ao mundo dos aromas com prova de quatro vinhos. A cereja no topo do bolo é o almoço regional na Herdade dos Adaens. O segundo programa inclui um piquenique nas vinhas, sem pressas, e termina com uma fantástica experiência no coração das vinhas da Herdade das Argamassas.

Vinhos míticos em Arraiolos
Nos dias 3, 4, 10 e 11 de setembro, faça parte da vindima dos míticos vinhos alentejanos da Tapada de Coelheiros (Tel. 266470000). O programa começa pelas 9h30, inclui almoço com prova de vinhos e visita de jipe à propriedade. A meio da manhã come-se a “bucha”, tradicional reforço dos trabalhadores de campo. No final da vindima, os participantes realizam uma visita completa ao território antes de degustarem o almoço regional e fazer a prova dos vinhos Coelheiros, num local único da Tapada. Esta é uma excelente oportunidade para conhecer uma propriedade que, no início dos anos 90, produziu um dos mais icónicos vinhos do Alentejo e que, hoje, está de olhos postos num futuro baseado em sustentabilidade e regeneração, tendo sido um dos primeiros produtores a adquirir a certificação PSVC (Programa de Sustentabilidade dos Vinhos do Alentejo). O programa de vindimas da Tapada de Coelheiros tem um valor de €85 e os lugares são limitados a oito pessoas por dia.

Adega José de Sousa

Adega José de Sousa

Entre a talha ancestral e a moderna tecnologia
A Adega José de Sousa convida a celebrar as vindimas com um programa dedicado à arte de colher a uva e a transformar em vinho. Participe nos trabalhos do campo como o corte dos cachos, prove os mostos na adega e faça a pisa da uva a pé. Até dia 18 de setembro visite a Adega, faça parte das atividades de vindima e desfrute do almoço acompanhado por vinhos José de Sousa. Repleta de tradição, a Adega José de Sousa (Tel. 918269569) datada de 1878, é uma das mais antigas e tradicionais da região, que engloba duas adegas que trabalham estilos muito distintos. Na Adega dos Potes, o método de fermentação ancestral e antigo está presente na produção dos vinhos. Já na Adega Moderna, a tecnologia implementada na produção é indispensável para conseguir atingir a excelência, sendo esta ambivalência muito apreciada. A visita guiada à Adega Nova e Adega dos Potes, participação nas atividades e almoço de petiscos regionais acompanhado por vinhos José de Sousa tem o preço de €58.

Casa Relvas

Casa Relvas

Pisa a pé e copo na mão
Até dia 20 de setembro, é possível conhecer as tradições inerentes à arte das vindimas na Casa Relvas, na Herdade de São Miguel, situada no Redondo. O programa foi especialmente criado para os apreciadores de vinho. Tem a duração de cerca de cinco horas e inclui um passeio pela vinha, identificação de castas e análise sensorial de grainhas, bagos e engaços, além da vindima manual. A par destas atividades, inclui ainda a pisa a pé – um dos momentos mais divertidos do dia - e uma prova de mostos na adega. Existe a opção de complementar a experiência com prova de vinhos e almoço com pratos típicos da região. O Programa de Vindimas está disponível para um mínimo de quatro visitantes e um máximo de 20, com preços a partir de €50 (ou €80 com almoço). Para fazer a reserva é apenas necessário marcar com 72 horas de antecedência (Tel. 266988034)

Fita Preta

Fita Preta

francisco nogueira

Vindimar com luz de mineiro
Fitapreta é um projeto de vinhos alentejanos de António Maçanita. Sempre inquieto, faz questão de garantir que os participantes da vindima chegam à vinha de noite para colher as uvas com a máxima frescura graças às temperaturas noturnas. Por isso, a Fitapreta disponibiliza-se a tratar do transporte até à vinha. Equipado com luz de mineiro, vai fazer as uvas chegarem à adega ao raiar do sol, cortando os cachos com a companhia da equipa de enologia. Tome o pequeno-almoço na vinha para ganhar forças para o que se segue, triagem das uvas, remontagens e análises laboratoriais. Prova de cinco vinhos e de algumas colheitas anteriores. Descanse finalmente e almoce com toda a equipa Fitapreta no pátio medieval do palácio. Este programa com vindima noturna e transferes tem um valor de €200 enquanto o preço da experiência sem vindima noturna é de €125. Acontece todos os dias das 10h00 às 18h00 apenas com marcação (Tel. 918266993).

Vindimas e menu com mostos
Um programa duas noites começa com um vinho de boas-vindas da Herdade da Malhadinha Nova (Tel. 284965432). Percorre os campos no todo-o-terreno vintage e desfruta da paisagem alentejana. Conheça a adega e prove os vinhos. Tem à espera um jantar com harmonização. É assim o primeiro dia do programa “Late Harvest Escape” que, se desejar, prossegue logo pelas quatro da manhã, horário em que começam as vindimas. Escolha o horário mais conveniente e “mergulhe” nos vinhedos. Participe na experiência de fazer um vinho com as próprias mãos e pés. Cumpra a tradição da colheita manual das uvas, almoce em plena vinha e siga para uma tarde na adega para sentir o perfume do mosto, selecionar as uvas e fazer a pisa nos lagares. O chef criou um jantar em que confeciona pratos com os mostos das várias castas. Termine a estadia com uma aventura de moto4 e almoço, com legumes bio da quinta e carnes DOP da Malhadinha. Regresse de coração cheio e leve consigo as uvas da Malhadinha (a partir de €1380)

Herdade do Rocim

Herdade do Rocim

Celebrar o vinho com cante alentejano
Mais cedo do que habitual, a Herdade do Rocim (Tel. 935683517) arrancou em força com as vindimas. Acompanhe todo o processo de colheita da uva até chegada à adega, a pisa a pé ou ao depósito nas ânforas. São dois os programas disponíveis: “Uma bucha na vindima do Rocim”, diário, disponível até 4 de setembro (€35), e o “Cante da Vindima” que decorre unicamente a 17 de setembro (€80). No primeiro programa fica a conhecer o processo de vindima finalizado com uma bucha variada alentejana composta por produtos locais. Já no “Cante da Vindima” é celebrada a vindima com o cante alentejano. Arranca com a visita à vinha para conhecer a arte de vindimar, seguindo-se visita à adega e almoço composto por um menu típico alentejano harmonizado com os vinhos do Rocim. No final, os visitantes fazem o próprio lote de vinho com algumas colheitas dos anos anteriores, vivendo um dia na "pele" do enólogo.

Quinta do Quetzal

Quinta do Quetzal

anne holmes

Vinhos e peixe do rio na Vidigueira
Visita guiada à adega e explicação acerca do processo de vinificação, prova de dois vinhos e, neste caso, passagem para o momento alto, a degustação do menu elaborado pelo chef João Mourato para degustar com vista para a vinha, harmonizado com vinhos da Quinta do Quetzal (Tel. 284441618), situada na Vidigueira. “Mais alentejano não há” poderia ser a frase que descreve esta ementa que consiste no “Pastel de queijo de Serpa”, “Gaspacho de uva e peixe Rei frito”, “Barbo do rio Guadiana curado com laranja e romesco”, “Porco alentejano e texturas de beringela” e “Delírio de Vila de Frades”. Para saborear no dia 12 de setembro, a partir das 18h00 (€95).

Quinta da Fonte Souto

Quinta da Fonte Souto

sandra ribeiro / tiago fernandez

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!