Boa Cama Boa Mesa

Almoçar a 50 metros de profundidade na Covilhã

17 junho 2022 10:11

foto: quinta das minas da recheira

Pouco conhecidos, esquecidos, a estrear ou verdadeiramente secretos, Portugal ainda guarda muitos tesouros para Explorar, Contemplar, Provar e Relaxar. Venha daí até ao Centro!

17 junho 2022 10:11

Almoçar, jantar ou provar vinhos numa gruta? A experiência que decorre a 50 metros de profundidade é uma proposta da Quinta das Minas da Recheira, em Barco, na Covilhã. Este é apenas um dos 50 segredos para explorar e descobrir na região Centro.

Minas de Recheira

Minas de Recheira

foto: quinta das minas da recheira

O palco desta ação gastronómica é a Quinta das Minas da Recheira, aberta desde 2020. O complexo mineiro, conhecido na região como as “minas do alemão”, localizado em Barco, no concelho da Covilhã, distrito de Castelo Branco, possui um espaço situado a 50 metros de profundidade. As paredes em pedra, que guardam a história de um património industrial mineiro, rodeiam a mesa do Salão Mineiro de Eventos, na qual são servidos, mediante agendamento prévio, almoços e jantares. Cada momento é estudado ao pormenor, desde a temática à música, passando pelos pratos. O serviço é assegurado por um dos vários restaurantes da região, que providenciam o catering. Tudo é feito debaixo da máxima segurança, para grupos de um mínimo de 15 pessoas e o máximo de 50, e a logística corresponde à experiência acumulada. No mesmo espaço, à parte, também são realizadas as provas de vinhos Almeida Garrett. Trata-se da produção das categorias ‘Reserva’ e ‘Espumantes’ da adega Almeida Garret Wines, da Covilhã, que estagiam na Galeria Mineira de Estágio de Espumantes e Vinhos. A degustação destes vinhos, feitos por um produtor com ligação à quinta geração da família do célebre poeta, escritor e dramaturgo do século XIX, envolve três opções à escolha. Este exercício pode ser complementado por produtos da região da Beira Interior. A cada atividade some a “Viagem no tempo”. Esta é a designação atribuída à visita completa dentro do complexo mineiro abandonado há mais de 40 anos, iniciada com uma geocaminhada à superfície e seguida de uma espiral de partilha de conhecimento destinada a todas as idades. Este complexo mineiro, detentor de uma enorme riqueza geológica e uma envolvente preservada pela Natureza, com o rio Zêzere a seus pés e vista para a serra da Estrela, está aberto todos os dias e o horário de início de cada programa começa às 10h30 e às 15h30.

Minas da Recheira

Minas da Recheira

foto: quinta das minas da recheira

Este texto foi adaptado do Guia Portugal Secreto - Centro, com produção Boa Cama Boa Mesa, oferecido com o Expresso na edição de 17 de junho 2022.

Esta coleção de sete guias divididos pelas regiões de turismo (Porto e Norte, Centro, Lisboa e Ribatejo, Alentejo, Algarve, Açores e Madeira), oferecida com o Expresso durante sete semanas, convida à descoberta do país em 350 sugestões. As ilustrações de capa são da autoria de Pedro Lourenço.

Acompanhe o Boa Cama Boa Mesa no Facebook, no Instagram e no Twitter!