Governo afasta proibição à venda de casas a estrangeiros: “Portugal não se pode dar ao luxo”
CLIQUE
IMOBILIÁRIO
Depois da entrada em vigor, no Canadá, de uma lei que proíbe a venda de casas a estrangeiros não residentes para travar a inflação, o tema tem estado em discussão a nível global. Também as ilhas Baleares espanholas mostraram intenção de aplicar uma lei semelhante
E em Portugal? Segundo noticia o jornal “Eco”, o tema não está em cima da mesa para o Governo neste momento
Segundo referem profissionais do imobiliário ao jornal económico, Portugal “não se pode dar ao luxo” de adotar uma medida dessas atualmente, esperando-se um forte impacto na economia nacional
Os números do Instituto Nacional de Estatística (INE) relativos ao último trimestre de 2022 mostram que, das 42.223 casas vendidas naquele período, apenas 2.767 (6,6%) foram compradas por pessoas com domicílio fiscal fora de Portugal
Citado pelo “Eco”, Pedro Vicente, CEO da promotora imobiliária Overseas, refere que “acabar com isso [mercado estrangeiro] seria acabar com uma parte importante do mercado, nomeadamente com uma parte que acaba por atrair investimento em sede do mercado imobiliário, mas também noutras áreas”
“O Canadá pode dar-se ao luxo de fazer isso e as Baleares também, porque são alvo de um investimento gigantesco anualmente. Mas Portugal não está em condições de fazer isso (...) [Seria] um forte ataque ao mercado imobiliário e à economia do país”, refere o especialista ao “Eco”
LEIA MAIS ARTIGOS
WEBSTORY: EXPRESSO
FOTOGRAFIAS: GETTY IMAGES
<!— netScope v4 – Begin of gPrism tag for AMPs -->