Como encontrar emprego após os
50 anos?
DAMOS 4 DICAS
Por mais que a discriminação — etária, de género, raça ou outra — seja punida por lei em Portugal, sabemos que mesmo num cenário em que as empresas denunciam dificuldades de contratação, regressar ao mercado de trabalho depois dos 50 anos não é fácil
Deixamos algumas orientações de especialistas em gestão de carreira que podem ser uma ajuda. Tome nota e não descarte hipóteses
1.
Atualize conhecimentos
A primeira regra é atualizar conhecimentos não apenas nas últimas ferramentas tecnológicas, mas também nas áreas onde o mercado tem maior carência de profissionais. Nunca é tarde para apostar na formação e os mais jovens podem ser uma ajuda para identificar as tendências
2.
Mantenha-se em contacto
Não é porque saiu da empresa que deve deixar de ter contacto regular com colegas da empresa ou da concorrência. É importante que saibam que está ativo e que não caia no esquecimento. Explore o potencial das redes sociais, em particular o LinkedIn
3.
Procure nos sítios certos
Deve fazer da procura ativa de emprego uma rotina diária. Explore os sites de emprego na internet, mas procure também plataformas direcionadas para profissionais seniores
4.
E ter um negócio próprio?
Seria feliz a transformar um hobby em profissão? Se sim, este pode ser um bom momento para dar o passo que sempre adiou. Avalie o mercado e não exclua hipóteses
LEIA MAIS ARTIGOS
TEXTO: EXPRESSO
FOTOGRAFIA: GETTY
<!— netScope v4 – Begin of gPrism tag for AMPs -->