Sociedade

O agente principal M. foi expulso da PSP por chamar “traidor” a Marcelo Rebelo de Sousa. Pertencia ao Movimento Zero

30 novembro 2022 17:21

Hugo Franco

Hugo Franco

Jornalista

mário cruz / lusa

De acordo com o MAI, desde 2019, no caso da PSP e, desde 2018, no caso da GNR, já foram quatro polícias suspensos e dois expulsos por incitamento ao ódio racial. Expresso revela as particularidades de uma dessas duas expulsões

30 novembro 2022 17:21

Hugo Franco

Hugo Franco

Jornalista

O agente principal M., do comando da PSP da Madeira, foi aposentado compulsivamente no último verão por despacho do ministro da Administração Interna José Luís Carneiro. Esta expulsão deste agente chegou a ser considerada pelo MAI como tendo por base um crime racista, tal como o Expresso noticiou há duas semanas.