Sociedade

Aluno que entrou em Medicina por ser descendente de benemérito “não tirou lugar a ninguém”, diz o diretor. Mas só a Católica tem este regime

27 setembro 2022 18:30

António de Almeida é o diretor da nova Faculdade de Medicina da Universidade Católica

ana baião

Um aluno entrou na licenciatura em medicina da Católica através de um regime especial por ser descendente de um benemérito daquela universidade. A polémica? A nota de candidatura é inferior à de muitos outros candidatos que foram excluídos no concurso geral de acesso. Ao Expresso, António de Almeida, o diretor da universidade, lamenta a polémica e defende o mérito destes alunos

27 setembro 2022 18:30

Só a Universidade Católica Portuguesa (UCP) prevê um concurso especial de acesso destinado exclusivamente aos “descendentes em linha reta de beneméritos insignes da Universidade”. O Expresso consultou os contingentes especiais definidos por cada estabelecimento de ensino privado e mais nenhuma disponibiliza semelhante forma de acesso - embora, várias valorizem a questão da descendência noutras circunstâncias como, por exemplo, em descontos nas propinas pagas pelo aluno.