Sociedade

Mais de metade dos 819 obstetras no SNS têm mais de 50 anos

12 setembro 2022 8:45

science photo library

Médicos com mais de 50 anos estão dispensados por lei de fazer urgências no período noturno. No caso de obstetrícia e ginecologia, mais de metade têm mais de 50 anos e 44% estão acima dos 55

12 setembro 2022 8:45

819 especialistas em ginecologia e obstetrícia espalhados pelas 38 maternidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS). O jornal “Público” remete para dados referentes a 1 de julho: mais de 50% dos especialistas têm mais de 50 anos e 44% estão acima dos 55 anos - o que, por lei, lhes permite não fazerem urgências de noite. Nas 38 maternidades encontram-se em formação 277 médicos internos.

De acordo com os dados disponibilizados à comissão pelas administrações regionais de saúde e a Administração Central do Sistema de Saúde, o SNS tinha, no início de julho, apenas 458 médicos especialistas em ginecologia e obstetrícia com menos de 55 anos. Algumas maternidades no interior do país, como as dos hospitais de Bragança e de Portalegre, contam com apenas três especialistas no quadro cada uma e todos têm mais de 55 anos.

Para além disso, os dados revelam que Portugal tem registado menos partos. Este ano, cerca de 62 mil partos estão previstos até ao final do ano, menos 15 mil do que há dez anos. Em conjunto, as urgências de ginecologia e obstetrícia asseguram cerca de mil atendimentos diários.