Sociedade

Esquadras em risco de fechar em agosto por falta de efetivos

27 julho 2022 9:00

adam davy - pa images/getty images

"É um período de férias e, juntando a isso, há quem esteja de baixa”, alerta o presidente da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia

27 julho 2022 9:00

Em agosto, o fecho de esquadras por falta de efetivos pode agravar-se, avisa o presidente da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia (ASPP), Paulo Santos, em declarações ao “Diário de Notícias”. Durante o fim de semana a maior esquadra do Porto esteve encerrada.

"É um período de férias e, juntando a isso, há quem esteja de baixa prolongada e acabe por descompensar muito o serviço em esquadras”, alerta Paulo Santos, acrescentando que este não é um problema “só do Porto ou Lisboa”: “nos Açores, por exemplo, há meses que há esquadras que têm de encerrar o atendimento por falta de pessoal".

De forma a combater a falta de efetivos, o ministro da Administração Interna revelou, na passada segunda-feira, que vão ser criadas esquadras móveis em Lisboa e no Porto. "Essa foi uma solução muito particular. O problema, no entanto, é de base e não de estrutura. Esta será uma solução a muito curto prazo mas, a longo prazo, não faz qualquer sentido", diz Paulo Santos.