Sociedade

Pinto Monteiro (1942-2022): breve história da vida do procurador-geral com “os poderes da rainha de Inglaterra”

8 junho 2022 16:44

Rui Gustavo

Rui Gustavo

Jornalista

Hugo Franco

Hugo Franco

Jornalista

Pinto Monteiro discursa após ter sido agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo pelo Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva, a 19 de fevereiro de 2013

miguel a. lopes

Fernando Pinto Monteiro esteve seis anos à frente da PGR e enfrentou (e às vezes promoveu) uma guerra constante com os procuradores que tinha de dirigir. O mandato ficou marcado pelo processo Freeport e pela destruição das escutas do caso Face Oculta que implicariam José Sócrates numa alegada conspiração para controlar a TVI

8 junho 2022 16:44

Rui Gustavo

Rui Gustavo

Jornalista

Hugo Franco

Hugo Franco

Jornalista

Fernando Pinto Monteiro já era juiz-conselheiro quando foi sondado pelo então ministro da Justiça, Alberto Costa, para substituir um desgastado Souto Moura no cargo de Procurador-geral da República. O magistrado terá mostrado recetividade ao convite e dias depois jantava com José Sócrates, o primeiro-ministro, que o convidou formalmente.