Sociedade

PJ detém quatro suspeitos por homicídio de jovem em Loures em fevereiro

8 junho 2022 17:22

Até agora, a PJ conseguiu identificar a composição do grupo agressor e concluir que o crime foi “previamente planeado”

8 junho 2022 17:22

A Polícia Judiciária (PJ) deteve quatro homens por suspeitas da autoria do homicídio de um jovem, de 16 anos, em fevereiro, na via pública em Fetais, no concelho de Loures, foi hoje anunciado em comunicado.

Os quatro suspeitos até agora detidos têm entre 17 e 26 anos estão “fortemente indiciados pela prática em coautoria de um crime de homicídio qualificado com uso de arma de fogo” sobre um jovem, de 16 anos, em 19 de fevereiro, refere a PJ no comunicado.

Após a investigação em curso, a PJ esclarece que o crime aconteceu “no contexto de violência grupal entre dois grupos de jovens oriundos da cidade de Lisboa que vinham mantendo uma relação conflituosa, que se agudizou com a prática de um crime contra a identidade física ocorrido cerca de uma semana antes”.

Até agora, a PJ conseguiu identificar a composição do grupo agressor e concluir que o crime foi “previamente planeado”.

Os detidos vão ser presentes na quinta-feira ao Tribunal de Loures para interrogatório judicial e aplicação de medidas de coação até irem a julgamento.

No dia 19 de fevereiro, um jovem de 16 anos morreu depois de ter sido alvo de disparos de uma arma de fogo a partir de uma viatura em andamento, em plena via pública, tendo os alegados autores fugido.

Após manobras de reanimação no local, a vítima foi transportada para o hospital de Santa Maria, em Lisboa, onde acabou por morrer.

O alerta às autoridades foi dado por moradores.