Sociedade

Serviço telefónico de atendimento a refugiados ucranianos em Portugal está a ser feito em russo

27 maio 2022 9:16

Assistência a refugiados ucranianos, no posto fronteiriço de Medyka, entra a Ucrânia e a Polónia

jeff j mitchell / getty images

Site “SOS Ucrânia" diz que o atendimento em ucraniano está disponível, mas na prática as chamadas estão a ser atendidas em inglês, em português e em russo

27 maio 2022 9:16

O Serviço de Tradução Telefónica da Linha de Apoio a Migrantes - SOS Ucrânia só disponibiliza três línguas: inglês, português e russo. Apesar de no site “SOS Ucrânia”, desenvolvido pelo Governo e pelo Alto Comissariado para as Migrações (ACM), estar escrito que o atendimento da linha disponibilizada pelo ACM é feito “em ucraniano”, na prática não está disponível. Esta situação está a deixar a comunidade ucraniana em Portugal indignada, escreve a “CNN Portugal”.

“O que acontece é que quando ligamos somos atendidos em russo”, explica Pavlo Sadhoka, da Associação dos Ucranianos em Portugal. “Parece que o Alto Comissariado para as Migrações quer reconhecer os ucranianos como russos”, acusa.

Esta linha telefónica é indicada pelo Alto Comissariado para as Migrações como um meio para dar resposta humanitária à guerra na Ucrânia. As mensagens pré-gravadas aparecem pela seguinte ordem: “Para português, prima 1”; “For english press 2” (Para inglês, prima 2); “Для русского языка нажмите три" (Para russo, prima 3).