Sociedade

Estrangeiro detido no Algarve por suspeita de homicídio vai ser extraditado para o Reino Unido, onde é um dos criminosos mais procurados

5 maio 2022 10:56

O Tribunal de Évora decretou prisão preventiva ao estrangeiro detido pela PJ

wikipédia

A Polícia Judiciária localizou e deteve o estrangeiro com 27 anos que estava sob mandado de detenção internacional e conotado com o tráfico de droga

5 maio 2022 10:56

Um cidadão estrangeiro, suspeito de ter baleado mortalmente na via pública um homem e que faria parte da “lista de criminosos mais procurados pelo Reino Unido”, foi localizado e detido na zona do Algarve e será extraditado.

A Polícia Judiciária (PJ) confirma, em comunicado, que localizou e deteve, na zona do Algarve, um homem de 27 anos, em cumprimento de um mandado de detenção internacional, emitido pelas autoridades judiciárias do Reino Unido.

O homem é suspeito da prática dos crimes de homicídio consumado e tentativa de homicídio.

De acordo com a PJ, os factos remontam a 2018 e o detido é suspeito de ter baleado mortalmente, na via pública, um homem conotado com o tráfico de droga.

Na mesma altura e local, refere a PJ, alvejou a tiro um outro homem que, apesar de ferido gravemente, não morreu.

A PJ indica que o detido “faria parte da lista dos criminosos mais procurados pelo Reino Unido”.

O homem foi presente ao Tribunal da Relação de Évora, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.