Sociedade

Ihor Homenyuk: inquérito conclui que agressões não são um “problema transversal ao funcionamento do SEF”

21 janeiro 2022 9:16

Inspeção-Geral da Administração Interna abriu três processos disciplinares e dois inquéritos

21 janeiro 2022 9:16

As agressões por parte do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) que resultaram na morte do cidadão ucraniano Ihor Homenyuk não são um problema transversal da estrutura. A conclusão é de uma investigação da Inspeção-Geral da Administração Interna (IGAI) enviada por e-mail ao jornal “Público”

“Sem prejuízo das questões de natureza disciplinar identificadas, as quais terão seguimento no âmbito dos referidos processos, não foi concluído existir um problema transversal ao funcionamento do SEF”, escreveu o IGAI. O inquérito foi pedido há mais de um ano por Eduardo Cabrita.

A investigação resultou na abertura de três processos disciplinares e dois inquéritos. De acordo com o mesmo jornal, o objetivo é apurar factos que podem fazer incorrer em responsabilidade disciplinar.