Siga-nos

Perfil

Expresso

Sociedade

Autoridades portuguesas confirmam detenção de suspeito de matar mulher em França

Cometlis - Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, confirmou a detenção do cidadão cabo-verdiano, que está agora sob a tutela da Polícia Judiciária

O suspeito de ter matado uma portuguesa de origem cabo-verdiana, no domingo, na cidade francesa de Toulouse, foi detido nesta segunda-feira em Portugal, disseram à Lusa fontes policiais. O Cometlis - Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, confirmou a detenção do cidadão cabo-verdiano, que está agora sob a tutela da Polícia Judiciária (PJ). Fonte da PJ corroborou a informação, afirmando não poder avançar mais detalhes.

O homem, de 30 anos, é suspeito de ter matado a mulher e ter-se-á entregue na esquadra da PSP de Sacavém, no concelho de Loures. A portuguesa de origem cabo-verdiana residia na cidade de Toulouse e deixa uma filha menor, segundo o gabinete do secretário de Estado das Comunidades Portuguesas. A filha está ao cuidado do tio, de 25 anos, irmão da vítima, segundo a cadeia de rádios France Blue.

Segundo a imprensa local, por volta das 1h30 (00h30 em Portugal) de domingo, a vítima terá ligado ao irmão, Bruno, tendo este ouvido uma discussão e vidros a partir. Algumas horas depois, o companheiro da irmã telefonou a Bruno, referindo que esta estava "caída no chão".

O crime foi cometido no bairro de Bellefontaine, tendo o irmão da vítima encontrado o corpo já de manhã, ao chegar ao local com os bombeiros. De acordo com o jornal La Dépêche, de Toulouse, ciúmes e suspeitas de adultério terão estado na origem da discussão que levou à morte da portuguesa.