Teatro

“Une Histoire Bizarre”: migrantes e refugiados entre a memória e o futuro

24 abril 2022 21:56

O teatro a contar histórias de refugiados pelos próprios refugiados

tomás nolasco

“Une Histoire Bizarre” é a face visível de um projeto e de um espaço de acolhimento para migrantes e refugiados, no qual a memória, as histórias e o futuro são elementos-chave. Este sábado em Sintra e até setembro em várias cidades do país

24 abril 2022 21:56

São 14 pessoas que vêm de 10 países diferentes. Vieram para Portugal porque, de alguma maneira, não podiam continuar a viver no seu país. Nem todos fugiram à guerra, embora isso tenha acontecido com alguns. Fugiram por perseguições políticas e por violência; saíram do seu país porque não tinham condições para lá continuarem.

Márcia, por exemplo, veio de Moçambique, com o marido e as filhas; uma delas tinha um problema de crescimento e no seu país de origem estaria condenada a uma situação de marginalização, além de falta de cuidados médicos adequados. Em 2020, Márcia teve uma das maiores alegrias da sua vida: a filha, de 8 anos, contou até 10 pela primeira vez. Como diz a mãe, contará até 20, 50, 100... Portugal é agora a sua terra.