Política

Partidos divididos sobre Mário Centeno e a defesa das taxas de juro para combater inflação

3 novembro 2022 20:27

Mário Centeno é governador do Banco de Portugal desde 2020

tiago miranda

Governador do Banco de Portugal defendeu política do BCE. Chega acusa-o de não defender interesses de Portugal e pede demissão. PSD diz que não entra em “leilão de opiniões” e aponta “falta de seriedade” ao Governo

3 novembro 2022 20:27

Cada um leu as palavras de Mário Centeno ao sabor do que mais lhe convém. O governador do Banco de Portugal (BdP) deu uma entrevista ao “Público” em que defende a política do Banco Central Europeu (BCE) de subida de juros para combater a inflação. O Chega pede a saída de Centeno porque este “deixou de representar os interesses de Portugal e deixou de representar os interesses do Governo português em Bruxelas”, como disse André Ventura, esta sexta-feira, em conferência de imprensa.