Política

Bandeira da União Europeia vai passar a estar hasteada na Assembleia da República

14 setembro 2022 9:01

Índice de igualdade de género na União Europeia marcada por algumas conquistas, mas também pela covid-19

yves herman/reuters

A bandeira da União Europeia é hasteada no exterior do Palácio de São Bento no período da sessão legislativa e nos dias de funcionamento parlamentar

14 setembro 2022 9:01

O presidente da Assembleia da República, Augusto Santos Silva, vai içar esta quarta-feira a bandeira da União Europeia, que passará a estar hasteada no parlamento, precedida pela bandeira nacional, por deliberação aprovada em 21 de julho passado.

A deliberação foi então aprovada com os votos favoráveis do PS, PSD, Iniciativa Liberal, PAN e Livre, com votos contra do PCP, abstenção do Bloco de Esquerda e com ausência do Chega.

A cerimónia está marcada para as 14:40 horas, antes do início da reunião plenária, e contará com a presença da ministra Adjunta e dos Assuntos Parlamentares, Ana Catarina Mendes, do secretário de Estado dos Assuntos Europeus, Tiago Antunes, e dos vice-presidentes da Assembleia da República.

Está ainda prevista a presença dos líderes dos grupos parlamentares, dos deputados únicos do PAN e Livre, do presidente da Comissão de Assuntos Europeus, entre outros deputados.

De acordo com o protocolo da cerimónia, Augusto Santos Silva, no exterior do Palácio de São Bento, assiste primeiro à guarda de honra, subindo depois a escadaria nobre até à varanda do Palácio de São Bento, local de onde será içada a bandeira da União Europeia.

De acordo com a deliberação aprovada, a bandeira da União Europeia é hasteada no exterior do Palácio de São Bento “no período da sessão legislativa e nos dias de funcionamento parlamentar”.

“A bandeira da União Europeia é precedida pela bandeira nacional e precede a bandeira da Assembleia da República”, lê-se na deliberação aprovada em julho passado e que foi subscrita pelo ex-ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros.

Nos seus discursos oficiais, sobretudo em matéria de relações externas, Augusto Santos Silva, deputado do PS eleito por um dos círculos da emigração, tem procurado acentuar a importância da participação de Portugal na União Europeia.