Política

“O ato cultural” de Rangel no lançamento do livro de Pinto Luz, em ambiente de luta interna

12 outubro 2021 21:45

Vítor Matos

Vítor Matos

Jornalista

nuno fox

Miguel Pinto Luz lançou um livro e encheu uma sala de passistas e personalidades anti-Rio. Na fila da frente, um friso com Pedro Passos Coelho, Paulo Rangel e Carlos Moedas. Em política, o que parece é: uma ala à procura de "novos protagonistas".

12 outubro 2021 21:45

Vítor Matos

Vítor Matos

Jornalista

A produção literária no PSD está ativa como nunca se viu: três livros em seis meses. Esta terça-feira foi a vez de Miguel Pinto Luz lançar "Voltar a Acreditar na Política", numa sessão se lançamento à pinha e marcada pelo ambiente de pré-disputa interna, com Paulo Rangel sentado entre Pedro Passos Coelho e Carlos Moedas, a presença de ex-líderes como Pedro Santana Lopes e Luís Filipe Menezes, e um friso de personalidades anti-Rio, sobretudo do passismo, como Miguel Relvas, Vasco Rato ou Maria Luís Albuquerque.