Expresso da Manhã

O proxenetismo pode ser constitucional, mas “a prostituição não é sexy”

Um acórdão do Tribunal Constitucional considerou que é inconstitucional punir com cadeia quem lucra com a prostituição alheia praticada de livre vontade

Um acórdão do Tribunal Constitucional considerou que é inconstitucional punir com cadeia quem lucra com a prostituição alheia praticada de livre vontade. O proxenetismo pode, assim, vir a ser descriminalizado e essa decisão reabre o debate sobre a prostituição, que não é tema “sexy” porque envolve maioritariamente mulheres pobres, lembra Maria João Marques, comentadora da SIC, com quem conversamos neste episódio.

Neste podcast diário, Paulo Baldaia conversa com os jornalistas da redação do Expresso, correspondentes internacionais e comentadores. De segunda a sexta-feira, a análise das notícias que sobrevivem à espuma dos dias. Oiça aqui outros episódios:

Tem dúvidas, sugestões ou críticas? Envie-me um e-mail: jmartins@expresso.impresa.pt

Comentários

Assine e junte-se ao novo fórum de comentários

Conheça a opinião de outros assinantes do Expresso e as respostas dos nossos jornalistas. Exclusivo para assinantes

Já é Assinante?
Comprou o Expresso?Insira o código presente na Revista E para se juntar ao debate
+ Vistas