Opinião

Sai uma crise política para a mesa do canto, s.f.f.!

João Silvestre

João Silvestre

Editor de Economia

13 janeiro 2023 0:18

Brincar às crises num ano de alto risco para as dívidas públicas não é boa ideia. Portugal tem estado longe dos holofotes, mas os ventos podem mudar de repente

13 janeiro 2023 0:18

Bem sei que uma crise política é algo que ninguém parece querer neste momento. O Governo até se tem esforçado por dar imagem de descontrolo, mas não parece interessado em eleições nesta fase. A maioria absoluta ainda nem tem um ano. Marcelo Rebelo de Sousa sabe que a dissolução do Parlamento poderia conduzir a uma situação ingovernável. Um verdadeiro pântano. E mesmo o líder do PSD, Luís Montenegro, se já está preparado para governar, tem disfarçado bastante bem. Conclusão: não interessa a nenhum dos principais protagonistas avançar agora com eleições antecipadas. Muito menos aos portugueses, que enfrentam sérios problemas económicos e do que menos precisam é de novos sobressaltos.