Opinião

50 anos, notícias cá da casa

Henrique Monteiro

Henrique Monteiro

Ex-Diretor; Colaborador

4 janeiro 2023 9:47

O Expresso completa 50 anos! De projeto que podia morrer a qualquer momento, vítima da censura, do estrangulamento económico, da fúria que setores do PCP lhe dedicaram depois do 25 de Abril, passou a instituição, com as suas coisas boas e más. É a referência informativa do país, e ainda que haja quem aposte na quantidade acima de tudo, por aqui ainda se aposta na qualidade

4 janeiro 2023 9:47

Para mim, estes 50 anos, são quase 34. Mais de metade da minha vida dediquei-a ao Expresso. Se fosse um desses pantomineiros que existiam em tempos, e se prolongam pelo presente, diria que o tinha feito para informar o povo, ser fiel ao povo, por defender o povo. Como não sou, digo a verdade: fi-lo porque preciso de ganhar a vida. Nesses 50 anos do Expresso cabem, em primeiro lugar, aqueles que honestamente quiseram ganhar a vida; dando tanto ou mais ao jornal, do que aquilo que dele receberam.