Opinião

2023 vai correr bem – um argumento

2 janeiro 2023 11:29

2023 é um ano de otimismo porque mostra a incompetência das ditaduras e a resistência das democracias e, nesta resistência, encontramos a capacidade para renovar o capitalismo industrial aqui em casa e a capacidade tecnológica ímpar que nos permite pensar assim: os nossos filhos e netos poderão viver num mundo com uma vacina contra o cancro e com uma “vacina” contra o problema energético – a fusão nuclear

2 janeiro 2023 11:29

Não tive paciência para o pensamento mágico do #vaificartudobem e, há precisamente um ano, disse na Renascença que 2022 era um ano perfeito para uma guerra como há muito não víamos. Agora gostava de continuar este workshop Nostradamus através de um desejo bastante ancorado na realidade: é possível ver 2023 com olhos positivos, muito positivos.