Opinião

No desespero, decide-se bem com boa informação

11 novembro 2020 8:44

Mesmo que tenham de ser drásticas, as medidas têm de ser racionais. O recolher obrigatório nas tardes de fim de semana, que concentra pessoas na rua, supermercados e espaços de lazer, resulta de 68% das infeções acontecerem em família e encontros sociais. Mas não é claro se os contágios dentro da família que vive na mesma casa estão nestes números. É só um exemplo de como é impossível tomar decisões acertadas sem recolha rigorosa de dados

11 novembro 2020 8:44

À medida que nos aproximamos do limite de capacidade das unidades de cuidados intensivos do Serviço Nacional de Saúde (e não serão seguramente as 112 camas de UCI dos privados, poucas delas disponíveis, que nos salvarão), a situação vai ficando mais desesperada. Sobretudo no Norte. Por mais severos que sejamos com o Governo, nem os médicos intensivistas se prepararam em meses nem Portugal tem um SNS pensado para ser o 15º país com mais casos de covid por cem mil habitantes.