Guerra na Ucrânia

A lista de "prendas de Natal" pedidas pela Ucrânia inclui tanques pesados, mas o Ocidente ainda está dividido

20 janeiro 2023 16:04

Tiago Soares

Tiago Soares

Jornalista

Veículos de infantaria Marder, em Erzgebirge, na Alemanha

f oto robert michael/picture alliance /getty images

Alemanha só cede tanques ofensivos à Ucrânia se os EUA seguirem o exemplo. Encontro na base aérea de Ramstein esta sexta-feira será decisivo

20 janeiro 2023 16:04

Tiago Soares

Tiago Soares

Jornalista

Mykhailo Podolyak, um dos principais assessores de Zelensky, publicou no Twitter a 9 de dezembro uma “lista de prendas de Natal” endereçada ao Ocidente. Semanas depois, só dois dos seus cinco desejos foram concedidos: os Estados Unidos já enviaram os mísseis de defesa antiaérea Patriot e a Alemanha prometeu, na semana passada, 40 tanques Marder.

Do ponto de vista ucraniano, não chega. Estas viaturas servem para transportar e proteger infantaria, mas não têm o poder de fogo de que Kiev precisa nesta fase. Por isso, o primeiro artigo na lista de Podolyak eram os tanques de assalto Leopard, de fabrico alemão, os mais utilizados em operações ofensivas pelos exércitos ocidentais.