Guerra na Ucrânia

Alevtina, DJ ucraniana, ao Expresso: “Perdi tudo. É impossível ficar calada. Odeio Putin e quem o apoia”

5 abril 2022 10:50

Catarina Brites Soares, em Barcelona

A DJ ucraniana Alevtina numa atuação em Kiev

d.r.

A conhecida DJ Alevtina deixou a Ucrânia, mas continua a viver um pesadelo. Vladimir Putin, com cuja morte diz sonhar todas as noites, dá-lhe vontade de rir e de chorar ao mesmo tempo, pelas barbaridades que diz para justificar a invasão. O testemunho da artista resume a história de tantas vidas destruídas e famílias separadas

5 abril 2022 10:50

Catarina Brites Soares, em Barcelona

“O meu nome é Alevtina, sou DJ e produtora. Apaixonada por música e pela vida.” É com esta frase que a também radialista Alina Havryliuk, de renome internacional, se apresenta na página profissional do Soundcloud. Apesar da guerra no país natal, diz que o mantra se mantém e ganhou valor. Tanto ela como parte da família sobreviveram à invasão russa da Ucrânia.