Internacional

Três soldados turcos mortos em operações militares na Síria e no Iraque

27 julho 2022 17:55

Um soldado turco na região de Alepo, na Síria

bakr alkasem/getty images

Um soldado morreu depois do rebentamento de um explosivo artesanal numa zona do noroeste do Iraque, onde a Turquia mantém há três anos operações militares contra a guerrilha curdo-turca

27 julho 2022 17:55

Três soldados turcos morreram nas missões militares que a Turquia mantém nas regiões norte da Síria e do Iraque, indicou esta quarta-feira a agência noticiosa Anadolu.

Segundo a agência pública turca, um soldado morreu depois do rebentamento de um explosivo artesanal numa zona do noroeste do Iraque, onde a Turquia mantém há três anos operações militares contra a guerrilha curdo-turca do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).

No norte da Síria, dois soldados turcos acabaram por sucumbir hoje no hospital aos ferimentos depois de terem sido atingidos terça-feira num tiroteio que visou uma base militar da Turquia na zona.

As autoridades citadas pela Anadolu atribuíram o tiroteio a uma “organização terrorista separatista”, fórmula utilizada pela Turquia para responsabilizar a guerrilha curda, o que engloba também as milícias curdas da Síria, as Unidades de Proteção Popular (YPG), face aos conhecidos vínculos ao PKK.

A região onde ocorreu o tiroteio situa-se a norte de Alepo e está sob domínio turco desde 2016, quando as forças militares da Turquia expulsaram da região as milícias jiadistas do Daesh.