Internacional

França, covid. Motorista de autocarro em morte cerebral depois de agressões de passageiros: há versões diferentes sobre o motivo

6 julho 2020 23:22

andia

Serviços regionais de Bayonne têm sido significativamente interrompidos porque os outros motoristas estão a recusar trabalhar depois deste incidente

6 julho 2020 23:22

Cinco pessoas foram detidas depois de um motorista de um autocarro em Bayonne, no sul de França, a cerca de 800 quilómetros de Paris, ter sido espancado este domingo à noite. O funcionário está em morte cerebral, conta a BBC.

O autarca daquela cidade fala em “ato bárbaro” e fontes do sindicato, em declarações à rádio France Bleu, afirmaram que o motorista se terá insurgido contra alguns passageiros por tentarem levar a bordo um cão. Uma fonte policial contou uma história diferente à Agence France-Presse: o conflito terá acontecido depois de alguns passageiros entrarem no autocarro sem bilhete e sem máscaras, o que levou às agressões. As máscaras são obrigatórias nos transportes públicos em França.

A BBC conta que os serviços regionais daquela cidade têm sido significativamente interrompidos porque os outros motoristas estão a recusar trabalhar depois deste incidente.